Engenheiro indiano que fez dispositivo de respiração para prevenir mortes de recém-nascidos ganha Prêmio de Inovação no Reino Unido


O engenheiro Nitesh Kumar Jangir, de Bangalore, criou o "Saans", o primeiro dispositivo de Pressão Positiva Contínua nas Vias Aéreas (CPAP) neonatal do mundo, que pode ser alimentado de várias maneiras através da eletricidade de fonte direta, incluindo o fornecimento elétrico de um veículo, bateria recarregável, gás comprimido ou mesmo bombeamento de ar manual.

Nitesh Kumar recebe o prêmio das mãos do Príncipe Harry e da Baronesa Patrícia Scotland


Um Engenheiro indiano, cujo dispositivo respiratório neonatal de baixo custo salvou a vida de recém-nascidos em pequenas cidades da Índia, ganhou o Prêmio de Inovação para o Desenvolvimento Sustentável da Secretária-Geral da Commonwealth de 2019, em Londres. 
Nitesh Kumar Jangir, que criou Saans como um dispositivo de suporte respiratório para combater mortes evitáveis ​​de bebês prematuros por síndrome do desconforto respiratório devido à falta de acesso imediato a equipamentos médicos complexos, recebeu seu prêmio na categoria Pessoas ao lado de outros 14 inovadores de todo os países membros da Commonwealth.

"Nossa missão é tentar garantir que os bebês não percam a vida devido à falta de acesso a uma peça de tecnologia", disse Jangir, que recebeu o prêmio em uma cerimônia em Londres na semana passada pelo Príncipe Harry, o Jovem Embaixador da Commonwealth, e da Secretária-Geral da Commonwealth, Baronesa Patricia Scotland.

"Em países como a Índia, com fornecimento irregular de eletricidade e recursos limitados em hospitais públicos, este equipamento de suporte respiratório neonatal pode ser usado sem qualquer treinamento complexo. Assim, qualquer pessoa, em qualquer lugar, pode usar esse dispositivo e fornecer apoio crucial a bebês prematuros[...]Este prêmio ajudará a melhorar este dispositivo nos países da Commonwealth, para uso em condições similares em regiões como a África", explicou o indiano.


Enviar um comentário

0 Comentários