Americano de 13 anos abre uma confeitaria com propósito inusitado

Michael Platt, um garoto de 13 anos que mora em Washington DC, começou sua própria confeitaria chamada Michael's Desserts.
Quando criança, Michael adorava confeitar e ao completar 11 anos, o jovem residente de Bowie, em Maryland, transformou sua paixão em um negócio e fundou a Michael's Desserts.
A confeitaria opera em um modelo de doação 'one-for-one' (um-para-um), que significa que para cada cupcake vendido ele doa um para os sem-teto.
Platt disse que é importante para ele que seu negócio tenha um componente filantrópico :
"Eu sabia que queria fazer um negócio, mas sabia que não queria apenas ganhar dinheiro, também queria ajudar as pessoas ao mesmo tempo", relata o menino ao WJLA.



“Your business model isn’t sustainable. What can a cupcake do?” My answer to adults who tell me this: In my opinion a cupcake can do a lot! I’ve seen a cupcake inspire smiles, tears, amazement, joy, satisfaction, happiness and other private emotions that I won’t share out of respect for people’s dignity. I’ve passed a cupcake to someone sitting with all their possessions in a shopping cart and had them tell me that this one simple act gave them hope. I’ve left a cupcake beside someone who’s sleeping under blankets on a grate because their friend on the grate next to them said it was ok when I asked. That’s why I give away cupcakes. I’ve been told that my business model isn’t sustainable and that I can’t scale my business while giving away a dessert equal in value, ingredients and labor to the ones I sell. I just look at those people and think about the next cupcake I’m going to give away! #hunger #changetheworld #giveaway #cupcakes #food #foodaccess #foodjustice #foodsecurity #dignity #feedthepeople #cookies #pie #changeagent #bethechange #kidpreneur #dreams #hope #sweettreats #oneforone #1for1
Uma publicação compartilhada por Michael Platt (@michaelsdesserts) em

Em sua conta oficial no instagram, Platt deu uma declaração inspiradora sobre sua iniciativa :
"Seu modelo de negócios não é sustentável. O que um cupcake pode fazer?" Minha resposta para os adultos que me dizem isso: Na minha opinião, um cupcake pode fazer muito ! Eu vi um cupcake inspirar sorrisos, lágrimas, surpresa, alegria, satisfação, felicidade e outras emoções particulares que não compartilho por respeito à dignidade das pessoas. Eu passei um cupcake para alguém sentado com todos os seus pertences em um carrinho de compras e pedi que me dissessem que esse ato simples lhes deu esperança. Eu deixei um bolinho ao lado de alguém que está dormindo debaixo de cobertores em uma grade porque o amigo deles na grade ao lado deles disse que estava tudo bem quando eu perguntei. É por isso que dou cupcakes. Disseram-me que o meu modelo de negócio não é sustentável e que não posso escalar o meu negócio ao mesmo tempo que dou uma sobremesa igual em valor, ingredientes e trabalho aos que eu vendo. Eu só olho para essas pessoas e penso no próximo cupcake que eu vou entregar!"

O Michael's Desserts fez parceria com o No Kid Hungry (Crianças Sem Fome), que é uma organização sem fins lucrativos que fornece refeições, organiza programas educacionais e defende os interesses das crianças.
Nos últimos dois anos, os negócios de Platt cresceram, os produtos de confeitaria do adolescente incluem biscoitos e cupcakes, que são os mais vendidos.
A cada mês ele vende cerca de 12 biscoitos, 75 cupcakes e 12 itens rotativos de "escolha do chef", disse Michael ao Jornal The Washington Post.

Enviar um comentário

0 Comentários